CENTRAL DE VENDAS

+55 21 2018-0402

Buscar
  • EAC Personnalité

Estude e Trabalhe na Austrália


A Austrália tem atraído cada vez mais brasileiros e internacionais que querem fazer programas de intercâmbio de Estudo + Trabalho, pois estudantes matriculados em cursos de mais de 13 semanas têm direito a trabalhar por 20 horas semanais. E, através de uma experiência de trabalho, não apenas a fluência no idioma melhora muito, como, também, a remuneração ajuda a arcar com parte dos custos, como moradia e alimentação.


O visto de estudante é concedido para aqueles que realizarão no país cursos com duração mínima de 14 semanas. A permissão de trabalho na Austrália virá junto com o visto, possibilitando que o estudante trabalhe no país legalmente proporcional durante o período letivo, e período integral nas férias e breaks escolares.


No entanto muitos profissionais brasileiros de diversas áreas, especialmente de engenharia, TI e Ciências Contábeis, que tenham experiência comprovada e inglês avançado, podem se inscrever no Skilled Migration Program – Programa de Imigração para Profissionais Qualificados – e obter visto de residente australiano.

Os profissionais devem ter até 44 anos no momento da solicitação do visto. Os salários iniciais variam entre 60 e 70 mil dólares australianos (o equivalente a aproximadamente R$ 100 e 120 mil) por ano e o visto permite que o profissional e sua família tenham acesso a diversos serviços e benefícios oferecidos pelo governo. Após quatro anos de residência com o visto de residente é possível pedir a cidadania australiana.


Se você é fluente no inglês, é hora de buscar seu trabalho. Leve em consideração que trabalhos temporários existem o ano inteiro, mas as férias de verão é um pouco mais difícil de achar, uma vez que os estudantes australianos também optam por trabalhar para ganhar um dinheiro extra.


Gostou das dicas? Fique por dentro de todas as novidades profissionais. Comece O Curso de inglês em Imersão e esteja preparado para as melhores oportunidades de emprego. Clique aqui e saiba mais.

13 visualizações