CENTRAL DE VENDAS

+55 21 2018-0402

Buscar
  • EAC Personnalité

Como Elaborar o Currículo em Inglês?

Atualizado: Jan 13


Um dos fatores que influenciam diretamente á candidatura na busca pelo emprego é o currículo elaborado de forma correta. Mas quando se trata de currículo em inglês, existem alguns cuidados a serem observados.


Nunca se sabe quando poderá surgir uma oportunidade no Brasil ou no exterior. Estar preparado já dirá muito sobre você, porque talvez o fator tempo seja determinante. Você poderá até ser perfeito para a vaga, mas se seu currículo não for, correrá o alto risco de perdê-la.


A primeira dica para elaborar o currículo em inglês é organizar as informações em blocos. Geralmente a ordem é: dados pessoais; objetivo; um resumo das qualificações; experiência profissional; formação acadêmica e idiomas; cursos extracurriculares. Jovens com pouca experiência profissional devem colocar a formação acadêmica no começo do currículo e não há necessidade. A estrutura do currículo é algo relevante para o entendimento do empregador, através das informações explicitas, o candidato muitas vezes é eliminado, a primeira triagem é a seleção pelo currículo e você não estará diante do recrutador para se explicar.


A seguir algumas dicas que podem fazer a diferença:


- Tradução automática: Se seu nível de inglês for básico e não tiver confiança para redigir o texto sozinho, peça para algum amigo ajudar ou, melhor ainda, contrate um tradutor profissional. Uma tradução automática, como as dos dois exemplos, pode conter erros elementares que podem,  “automaticamente”, te deixar de fora do processo seletivo.


- Ordem direta das orações: Sempre que possível, procure manter a sequência “sujeito”, “verbo” e “objeto”. Por exemplo, I worked for Hearns & Hearns International from 2004 to 2007. O sujeito é “I” (eu), o verbo é “worked” (trabalhei) e o complemento é “for Hearns & Hearns International from 2004 to 2007” (na Hearns & Hearns International de 2004 a 2007).


- Escolha um modelo de currículo: Há diversos sites que oferecem modelos de currículo em inglês. Escolha o que melhor se adapta ao seu estilo e ao cargo que pretende.


- Não confie no corretor: Não confie cegamente no corretor ortográfico do MSWord, ou de qualquer outro editor de texto, porque há palavras com grafia parecida em inglês. Portanto, se você escrever em seu currículo, por exemplo, ball (bola) no lugar de bell (sino), o corretor não vai perceber.


- Cuidado com a Gramatica: Seria impossível apontar aqui todos os possíveis tropeços gramaticais que podem surgir em um currículo em inglês. Um deles, no entanto, é um dos mais recorrentes: a diferença entre o Simple Past e o Present Perfect. Lembre-se de que devemos usar o Simple Past para descrevermos as atividades concluídas, com a definição de tempo explícita ou implícita. Prefira o Simple Past, portanto, para descrever todos os cursos concluídos e os cargos que você já não ocupa mais. Para descrever seu cargo atual ou, eventualmente, cursos e projetos ainda em andamento, prefira o Present Perfect.


- Atenção aos sinais e números: Outro erro frequente nos textos em geral é a não observação do sinal usado para separarmos as casas decimais. O que em português é vírgula, vira ponto em inglês. Onde usamos ponto, usa-se a vírgula em inglês.


Aproveite as dicas e não perca nenhuma oportunidade. Comece o curso de Inglês em imersão e conquiste as melhores vagas de emprego no Brasil e no mundo. Clique aqui e saiba mais.


9 visualizações